terça-feira, 3 de julho de 2007

HEMOCENTRO - Campanha de junho atinge 650 jovens

O Hemocentro encerrou ontem a campanha “Dê Sangue: Seja Herói por uma Vida”, em homenagem ao Dia Mundial do Doador de Sangue (14 de junho). A atividade visou envolver jovens e adolescentes. Cerca de 650 pessoas foram atingidas. A última escola visitada pela equipe foi a Escola Estadual Antonio Reginato.
A equipe do Hemocentro palestrou para alunos do Colégio Cristo Rei, do Interação, do Prevê Objetivo, da Escola Técnica Antonio Devisate e das Escolas Estaduais Antonio Baptista e Antonio Reginato. A última, ontem, encerrou o trabalho.
Ao todo cerca de 650 adolescentes e jovens (no caso da escola Antonio Devisate, que tem alunos maiores de idade) foram envolvidos no tema da doação de sangue. O cadastro para se tornar doador de medula óssea também foi abordado.
Na EE Antonio Reginato a palestra foi feita para duas turmas de alunos do terceiro ano do ensino médio. Um vídeo contendo informações e apresentado a estrutura do hemocentro foi exibido. O estudante Bruno Henrique dos Santos, de 17 anos, disse que vai se tornar doador quando completar 18 (idade mínima).
Bruno Henrique afirma que é importante estender a solidariedade a todos. “Não devemos doar sangue apenas para familiares e conhecidos quando precisam. Sempre existem pessoas precisando e se temos condições de doar, por que não ajudar?”, disse.
De acordo com a assistente social do Hemocentro, Marlene Disner, a campanha visou ganhar multiplicadores da doação de sangue e medula e preparar os adolescentes para se tornarem doadores aos 18 anos. Ela destaca ainda que a conscientização da importância de doar sangue para ajudar ao próximo contribui para formar jovens mais conscientes, com um olhar mais humanizado.
A doação de sangue, segundo Disner, é um exercício de solidariedade que previne o individualismo, o egoísmo e a violência. A palestra na EE Antonio Reginato foi intermediada pela professora de matemática Lúcia Helena Gerdullo. Ela é doadora assídua há cerca de 15 anos e esteve este mês no setor de coleta do Hemocentro. “Pedi que a palestra fosse feita na escola e deu certo. Os alunos gostaram bastante”, comentou.
A campanha deste mês está inserida no projeto permanente do Hemocentro “Doador do Futuro”, que envolve alunos na fase da adolescência, mas também da infância.

Um comentário:

Bruno disse...

Eu sou famoso!!!!
***********************************

 
Copyright 2009 Club Mania